Coisas imperdíveis para se fazer em Malta!

Se você está pensando em ir para Malta, não deixe de conferir nossas dicas para conhecer o arquipélago e se apaixonar.


Investir alguns dias, com um sapato bem confortável, para andar sem pressa por Malta é um dos melhores presentes que você pode se dar. 

Comece por Valletta, a capital de Malta. Aproveite para fazer o passeio de Maria Fumaça que é divertido e te dá uma visão geral da capital do país. Não deixe de tomar o melhor sorvete italiano, na Amorino. Mesmo se não for muito fã de igrejas, não deixe de entrar na St John’s Co-Cathedral, principalmente agora, depois de reformada, está reluzente!

Uma boa dica e tentar participar de uma das muitas Festas Religiosas que acontecem nas ruas de todas as cidades de Malta e se maravilhar com os fogos de artifício, ouvir as bandas tocando fanfarras, se deliciar com as comidas típicas, fazer comprinhas de artesanato, tomar o delicioso vinho maltês enquanto se familiariza com a rica e milenar cultura maltesa.

Quando for ao sul, não deixe de conhecer os templos: Hagar Qim, Mnajdra e Tarxien (este último fica em Paola) que são história pura! Malta vai te supreender com a quantidade de patrimônios. Se gosta de história não deixe de ir para Mosta, ver a réplica da bomba que não explodiu dentro da igreja, durante uma missa, no meio da guerra.

O Popeye Village, que é o set original do filme “Popeye” estrelado pelo saudoso Robin Williams, hoje um museu a céu aberto, e acabou se tornando um parque temático é parada obrigatória. O ingresso inclui um drink e um passeio de barco muito especial. E o melhor, tem desconto para estudantes (basta apresentar a carteirinha da sua escola)!

Para curtir a noite, vá para Paceville, em St Julians. Vale a pena conhecer os lugares, tomar alguns drinks e conhecer a diversidade dos clubes nessa região super badalada.

Se você é do tipo praieiro, não se preocupe: a ilha está cheia de praias! Sim, a maioria das praias em Malta é de pedra e isso pede a você dois cuidados básicos: uma toalha para poder se acomodar com mais conforto e um sapatinho daqueles de borracha para que você não machuque ou queime seus pés. Você acha esse sapatinho para comprar em todos os lugares e a média de preço é de €8.

Mas não se engane, em Malta também existem deliciosas praias de areia, como St George’s Bay, Ghajn Tuffieha (também conhecida como Riviera), Golden Bay, Paradise Bay e Little Armier Bay (minha favorita).

Ver o por do sol em Dingli Cliffs é uma emoção única: reuna os amigos e faça um pic-nic enquanto vê o sol descansar. A dica aqui é levar toalhas para sentar e uma blusinha porque o lugar é alto e, geralmente, venta bastante!

Aos domingos você pode visitar a vila de pescadores em Marsaxlokk, que é quando acontece uma feira livre onde você pode achar peixes fresquinhos, muito artesanato e ótimos restaurantes. Indico pegar o barco em Sliema para que o passeio fique ainda mais interessante e você possa tirar fotos incríveis de Malta, enquanto navega pelo Mediterrâneo!

Para quem gosta de caminhadas mais longas, Malta tem vários trajetos incríveis para praticar trekking e um dos mais legais, na minha opinião, é o Watch Towers Walk! Você vai andar aproximadamente 15 km e vai ver lugares como a Red Tower e a Immaculate Conception Chapel, uma capela que foi construída em 1961 para substituir a anterior, construída no final do século 19, na ponta do abismo.

Mas se você quer mergulhar ou nadar em um lugar diferente, vá para Blue Grotto. Lá tem um canal lindíssimo onde vc pode flutuar nas marolas deliciosas entre as paredes de pedra e para mergulho é um dos locais mais recomendados. Também dá para ver alguns pássaros raros, como a Bonie, uma corujinha timida e muito fofinha e o Nina, uma coruja africana que adora tirar fotos enquanto voa do seu braço para o braço do cuidador, que não cobra nada para você “voar” com a coruja mas, se quiser doar algumas moedas, eles agradecem!

10697332_10152690471843396_8186185639836335321_o 11935034_10153552544108396_3206359722642038352_n 11958061_10153552524668396_1191926697176394782_o

Ir para Mdina, a cidade silenciosa, pelo menos duas vezes: uma de dia e uma à noite para poder absover ao máximo sua beleza e seus encantos. Ah, não se esqueça de comer o famoso e delicioso bolo de chocolate do restaurante Fontanella e se você tiver sorte de presenciar algum evento no Palazzo de Piro, não perca por nada!

Pegue o ferry e vá para a ilha de Gozo bem cedo para aproveitar bem o dia. Chegando lá em aproximadamente 30 minutos de viagem, pegue um ônibus de turismo (Sightseeing) e desfrute das belezas e do charme da irmã da ilha de Malta. As paradas obrigatórias aqui são: Azure Window, incrível formação rochosa que já foi até cenário de filmes, a capital Victoria & Cittadella e a praia de areia cor de canela, Ramla Bay, lindíssima!

Já que você está em Gozo, vá ver as Salt Pans em Xwejni, em Zebbug. É fascinante ver a formação dessas pequenas e inúmeras piscinas de sal!

A Lagoa Azul de Comino é um dos lugares mais incríveis de tão lindo! Pegue um barco em Sliema e passe um dia todo por lá. Dicas: vá de Speed Boat – além de ir mais rápido é bem mais divertido e leve alguns snacks para comer por lá (para economizar) mas, compre a água lá para não carregar o peso da água quente e não conseguir beber depois.

Carregue o celular, prepare a câmera, pegue roupas e sapatos confortáveis, chapéu, toalha, óculos de sol e bastante protetor solar pois o verão já está aí. Divirta-se em Malta com as nossas dicas e se precisar de alguma informação, entre em contato conosco pelo email dani@daniverse.com ou pelo nosso Facebook!

 

Escrito por Daniela Kitz Aurala

Revisado por Adriana Minhoto